Clube de Campo de Florínea

florinea97

 

Localizado na região de Marília, a aproximadamente 474,3Km da Sede Central (4h 48), na divisa de São Paulo com o Paraná, o Clube de Pesca de Florínea é mais uma boa opção de lazer que a Associação dos Cabos e Soldados oferece.

Se você é amante da pesca e curte a natureza, o Clube de Pesca de Florínea pode lhe proporcionar dias de lazer inesquecíveis.

Localização

O Clube Recreativo de Florínea, fica localizado na cidade de mesmo nome, a leste do estado de São Paulo, na divisa com o Paraná.

Instalações

Temos 09 (nove) apartamentos, cada um contendo :

– Uma cama de casal

– Uma beliche

– Banheiro

– Televisão

– Ar Condicionado.

As cozinhas são equipadas com fogão, geladeira, utensílios domésticos (garfo, faca, colher, prato, panela, tupperware, copos, garrafa de café)

O Clube tem refeitório coletivo, quiosque para churrasco, piscina e plataforma de pesca.

São 6 barcos para uso coletivo.

 

DESCRIÇÃO VALOR
Sócio/Esposa/Filhos de 12 a 17 anos R$ 20,00
Filhos de 0 a 3 anos / Convidados de 0 a 3 anos ISENTO
Filhos de 04 a 11 anos R$ 10,00
Irmãos e netos do sócio de 04 a 11 anos R$ 10,00
Irmãos e netos do sócio de 12 a 17 anos R$ 20,00
Filhos, irmãos e netos a partir de 18 anos, genitores, sogros, genro/nora R$ 25,00
Diária Convidados de 04 a 11 anos R$ 20,00
Convidados a partir de 12 anos R$ 40,00

Forma de Pagamento : Dinheiro ou Cheque

 – Toda a parte de Alimentação é por conta do hóspede

– Barco incluso no valor da diária

– Levar colete salva-vidas

– Levar roupas de cama

– Todos os apartamentos possuem ar-condicionado

(Cada apartamento é equipado com uma cozinha e utensílios domésticos)

Reservas : (0XX14) 3433-2944/2756 – Regional 10 – Marília

Município

Florínea

Data de Fundação : 30/12/1953

Características geográficas

População : 2.829 hab. Censo IBGE/2010 Área da unidade territorial (Km2) : 225,633 Densidade demográfica (hab/Km2) : 12,54 Gentílico : florineense Altitude : 360m Fuso horário : UTC-3

História

No ano de 1919, quando elevada a categoria de Vila é batizada com o nome de Pântano devido a quantidade de barro que se formava em qualquer chuva.

Para obter sucesso na fixação de pessoas no local, Sebastião Alves de Oliveira as incentivava oferecendo preços acessíveis e inclusive doação de lotes.

Na época a estrada que dá acesso para Londrina (PR) passava pela cidade de Florínea, motivo pelo qual havia tanto interesse em fundar a cidade onde ela está hoje se estabeleceu o núcleo urbano.

Seu crescimento é grandemente prejudicado pela geada de 1940 e acelera o fim da lavoura de café. Estabelece-se então a migração da população para outros locais em busca, principalmente de emprego, um movimento que estagnou-se apenas muito recentemente percebendo hoje apenas uma oscilação muito pequena da população.

Em 1953 o Pântano, com a luta de alguns pioneiros consefue a sua emancipação político-administrativos e em 1954 já como município passa a se chamar Florínea. A prefeitura é instalada na Rua Francisco Nunes de Souza e a cidade começa a se estruturar.

Em 1961 o município volta a ser Distrito de Assis por motivos ligados, para alguns, a parceira administrativa da época e para outros, a razões políticas. Mas volta à sua posição de Município no ano seguinte.

Um dos fatos que contribuiu para o deslocamento das famílias é a implantação do Estatuto da Terra, a lei nº 4.504 de 20/11/64, onde o trabalhador rural é “protegido”. Os donos de propriedades rurais ficaram reticentes em registrar seus trabalhadores por não terem condiçãoes de pagar seus direitos numa possível dispensa do mesmo.

A partir de 1981 a cidade retoma o crescimento físico e populacional, embora muito lentamente. O que pode ser notado é que a partir desse ano começaram a ser implantado os conjuntos habitacionais, para atender as famílias que se deslocam para outras localidades, o que nos dá a idéia de um certo equilíbrio entre o número de pessoas que se dirigem para Florínea ou se deslocam para outros locais. Assim introduziu-se a cana no binômio soja e trigo.

Hoje registra-se um decréscimo muito grande na população do município de Florínea que em 1960 chegou a ter 5.753 habitantes e hoje, segundo o IBGE conta com 2.829 habitantes.

Fonte: Trabalho de Conclusão de curso de Geografia do Professor Adão Cícero Ferreira Nunes, pela Universidade Estadual de Londrina no ano de 1993.

Autor do Histórico: AFONSO MARIA NOGUEIRA

Dados Retirados do Site do IBGE.

Turismo

Balneário Municipal de Florínea 

Florínea está localizada no Estado de São Paulo divisa com o Estado do Paraná, agraciada pela natureza a cidade é banhada pelas águas do Rio Paranapanema, o qual exerce grande influência econômica, cultural e social neste lugar. Servindo-se da beleza natural da vegetação somada ao Rio, a cidade possui mantém o Balneário Municipal, localizado na Rodovia do Trigo o local é de fácil acesso, com vias asfaltadas e sinalização ao longo do caminho. Desde a entrada da cidade de Florínea visitantes são direcionados pelas placas de sinalização do local.

O Balneário de Florínea é o espaço ideal para amigos e famílias descansarem e se divertirem em contato direto com a natureza. Toda a estrutura de turismo de Florínea inclui ranchos, fazendas e propriedades diversas de veraneio particulares distribuídas entre os condomínios existentes. A ‘Prainha’ como é conhecida popularmente, oferece aos visitantes, área para barracas, motor homes, com luz elétrica e água. Possui piscina natural, sanitários, churrasqueira, pia, toboagua, praça de alimentação, campo de futebol e rampa para barcos e esportes náuticos.

*Texto Retirado do Site Oficial de Florínea